Conecte-se conosco

Cinema

Irmãos Por Escolha | Filme sobre a rotina de cadetes da AMAN chega à Netflix

Longa mostra a primeira turma de mulheres da AMAN, após 210 anos de existência da Academia

Publicado

em

Irmãos por Escolha

Irmãos Por Escolha, documentário com direção de Gabriel Mattar, estreia na Netflix neste domingo (11). O longa, o primeiro a ser filmado dentro da Academia Militar das Agulhas Negras (AMAN), acompanha o cotidiano intenso de treinamento dos cadetes. São homens e mulheres que em meio aos tantos desafios, criam vínculos de amizade durante o processo de formação. Além disso, o filme também mostra a primeira turma de mulheres da AMAN, após 210 anos de existência da Academia. A produção é da Kombat Films.

Partindo da experiência do diretor, que perdeu o irmão ainda na infância, a narrativa explora a relação de irmandade entre os jovens cadetes. Com material 100% original, a história foca em alguns personagens durante os quatro anos de formação profissional dos militares.

Mattar também busca uma perspectiva sensível sobre o amadurecimento dos alunos da AMAN ao longo da graduação. Sob uma visão civil, o diretor busca estudar o comportamento e estreitamento desses laços.

Aliás, veja um trecho de Irmãos Por Escolha, e siga lendo:

“O filme aborda questões essenciais como: inteligência emocional e trabalho em grupo. O documentário atua como fomentador do debate nacional sobre o jovem, sua participação na sociedade, sua transição para vida adulta, seus potenciais e responsabilidades”, diz Mattar.

Por fim, o longa esteve nos Festivais Internacionais de Santa Fé e Flickers Rhode Island, além de receber os prêmios Global do Lift Off e Paris Awards em 2022. No Brasil, o documentário integrou o Festival de Petrópolis do ano passado.

Anúncio
Clique para comentar

Escreve o que achou!

Cinema

‘A Freira 2’ lidera bilheterias brasileiras e diretor explica sua visão. Entenda!

Em exibição há duas semanas, o filme da Warner Bros. Pictures traz Valak, a Freira Demônio, de volta ao cinema

Publicado

em

critica a freira 2

É o mais recente capítulo do universo “Inovação do Mal” e vem fazendo sucesso. “A Freira 2”, produzido pela Warner Bros. Pictures, lidera as bilheterias brasileiras. A princípio, com apenas duas semanas em cartaz, o filme de terror já arrecadou mais de R$38 milhões em bilheteria e atraiu quase 2 milhões de espectadores aos cinemas.

A trama de “A Freira 2” reintroduz Irmã Irene (interpretada por Taissa Farmiga) em um ambiente assustador. Dessa forma, entrelaça a história da Santa Luzia, a padroeira dos olhos e visão, com a atmosfera arrepiante da luta contra o mal.

O diretor Michael Chaves compartilha:

 “Cresci no catolicismo e sempre fiquei impressionado com as imagens que a cercavam – essa mártir cujos olhos foram cortados. Muitas vezes, vemos seus olhos nas palmas das mãos. Acho que há algo assustador e rico nesse imaginário.”

Valak

Continuando a história do filme anterior, A Freira 2 apresenta desafios antigos, com Valak mais poderosa do que nunca, e destaca duas heroínas cativantes unidas pelo poder da coragem. Michael explica:

“Gosto de histórias de mulheres fortes… A ideia dessas duas freiras encarregadas de uma missão atravessarem a Europa para tentar caçar esse demônio. Foi emocionante, uma história forte desde o início. Valak embarca em uma jornada pessoal… Introspectiva, íntima, dentro de si mesma, para entender quem ela é – e encontrar sua própria visão e sua própria maneira de ver o mundo ao seu redor”.

A saber, “A Freira 2” é dirigido por Michael Chaves (“A Maldição da Chorona [2019]”, “The Maiden [2016]” e “Inovação do Mal 3: A Ordem do Demônio [2021]”) e produzido pela New Line Cinema, The Safran Company e Warner Bros. Pictures.

O elenco do filme inclui Taissa Farmiga (“American Horror Story: Coven”, “Regressão”, “A Freira”), Storm Reid (“Uma Dobra no Tempo”, “Euphoria”), Jonas Bloquet (“Elle”, “A Freira”) e Anna Popplewell (“As Crônicas de Nárnia”), entre outros.

A Freira 2 está em exibição nos cinemas de todo o Brasil, com versões acessíveis disponíveis.

Por fim, leia mais:

Ângela | Crime retratado em podcast vira filme

Premiado em Gramado, ‘Tia Virgínia’, com Vera Holtz, ganha novo trailer e data de estreia

Nosso Sonho | História de Claudinho e Buchecha vira bom filme nacional

Continue lendo
Anúncio
Anúncio

Cultura

Crítica

Séries

Literatura

Música

Anúncio

Tendências