Wednesday, September 22, 2021

Vinaa, Dicy Rocha e Núbia homenageiam o reggae maranhense de Betto Pereira

O cantor e compositor Vinaa coloca em prática o seu lado de intérprete no projeto “Fé de Alimária”, um álbum com releituras de artistas maranhenses feito com base em uma extensa pesquisa musical, projetado para ser lançado neste segundo semestre. Como prévia do disco, o artista acaba de lançar o single “Mina Negra” (Betto Pereira, Erasmo Di Bell e Josias Sobrinho), lançado originalmente por Betto Pereira no álbum “Terecô”, em 1992.

A versão de Vinaa conta com participações das cantoras Dicy Rocha nos backing vocals e Núbia, que apresenta sua voz em dueto com o cantor. “‘Mina Negra’ é uma canção que representa muito a energia de minha cidade, São Luís. Então, essa música é um convite não só para as pessoas conhecerem o disco, mas também para conhecerem o que existe no Maranhão, a nossa Jamaica brasileira”, explica o cantor.

A produção da faixa e a escolha das participações vão de encontro com o que o músico quer passar com este projeto: o respeito às tradições em conjunto com a valorização dos novos tempos, onde não há espaço para discriminações. Vinaa, um cantor abertamente ativo nas lutas LGBTQIA+ apresenta a faixa ao lado de duas mulheres negras. “Representatividade é um sinônimo, um símbolo, da nova comunidade. Não falo apenas sobre nova geração da música maranhense, mas uma nova sociedade. Nosso objetivo é representar as vozes, as minorias e, em nenhum momento, desrespeitar as tradições”.

A releitura tem produção assinada por João Simas e foi feita a partir de uma visão mais moderna do reggae, com destaque para os graves e a parte rítmica característica do ritmo jamaicano. “Mina Negra também é uma música pelo qual tenho grande memória afetiva. Eu a escuto e sinto o cheiro, vejo as cores de São Luís. É como se ela fosse mais um azulejo dessa cidade”, conta Vinaa.

“Fé de Alimária” contará com 15 faixas, entre elas “Luar do Sertão” (Catulo da Paixão, Cláudio Nucci e João Pernambuco), “Piercing” (Zeca Baleiro) e No Calor Dos Teus Abraços (Nicéas Drumont e Cecílio Nena), que fez grande sucesso em versão da dupla de irmãs As Galvão. O registro é uma realização da Alameda Produções e estará disponível nos mais variados serviços de streaming e em CD com apoio do Sebrae Maranhão, da Fapema (Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Maranhão) e do Governo do Maranhão.

Escreve o que achou!