Saturday, January 16, 2021

24ª Mostra Tiradentes abre inscrições para oficinas gratuitas de cinema

A 24ª Mostra de Cinema de Tiradentes acontece de 22 a 30 de janeiro de 2021. A saber, é o maior evento dedicado ao cinema brasileiro contemporâneo e que, geralmente, abre o calendário audiovisual do país. E tem notícia boa, já que está com oficinas gratuitas de cinema que integram seu Programa de Formação Audiovisual. Entretanto, devido à pandemia de Covid-19, todas as atividades ocorrem em ambiente digital, mantendo o mesmo propósito e conceito das edições realizadas presencialmente.

A princípio, para esta edição, a Mostra Tiradentes promove dez oficinas com oferta de 225 vagas. Porém, só pode uma inscrição por pessoa. Os interessados podem se inscrever até 11 de janeiro, ou até se esgotarem as inscrições, pelo site oficial do evento www.mostratiradentes.com.br, escolhendo uma entre as seguintes modalidades: “Atuação no Cinema”, “Audiência do Audiovisual – Como os filmes podem alcançar seus públicos”, “Da ideia ao filme: Como desenvolver o seu projeto”, “Documentários Domésticos”, “O poder da cultura sonora para o som no cinema”, “Por uma mise-en-scène pandêmica”, “Produção executiva de audiovisual”, “Reencantar o corpo, reencantar o mundo”, “Roteiro de Curtas” e “Roteiro para narrativas audiovisuais”.

mise-en-scène

De 23 a 26 de janeiro de 2021, das 14h30 às 17h30, o roteirista, diretor e professor de cinema Leandro Afonso e o professor e roteirista Diogo Cronemberger serão os responsáveis pela oficina “Por uma mise-en-scène pandêmica”. Serão oferecidas 25 vagas para interessados a partir de 16 anos. Afinal, o objetivo da atividade é refletir sobre outras possibilidades de direção cinematográfica, incitadas pela pandemia, mas exploradas muito antes dela. A oficina propõe abordar e analisar obras que utilizaram pouquíssimos recursos e, ainda assim, se tornaram emblemáticas.

Nas mesmas datas, das 16 às 19 horas, o ator e cineasta Renan Rovida ministrará a oficina “Atuação no Cinema”, com oferta de 20 vagas. A atividade tem como objetivo estimular a apreciação e a experimentação na atuação para o cinema brasileiro. Durante a oficina, os participantes terão um breve panorama do histórico da atuação, do teatro ao cinema, por meio de exercícios práticos de criação de personagens e cenas.

Entre os dias 23 e 25 de janeiro, das 10 às 13 horas, o especialista em marketing para cinema José Agripino da Silva Neto será o responsável pela oficina “Audiência do Audiovisual – Como os filmes podem alcançar seus públicos”. Serão oferecidas 25 vagas para roteiristas, diretores e produtores. O objetivo da atividade é desenvolver o pensamento de construção de audiências para as obras audiovisuais. Serão apresentadas ferramentas e análises de casos de sucesso para que cada participante compreenda como atrair e manter uma audiência interessada em seus projetos.

Oficinas gratuitas de cinema: som

De 23 a 27 de janeiro, das 09h30 às 12h30, o diretor de som Léo Bortolin ministrará a oficina “O poder da cultura sonora para o som no cinema”, com oferta de 20 vagas. A princípio, a partir de estudos e práticas da direção de som no cinema, a atividade promoverá reflexões sobre conceitos e teorias do elemento sonoro nas produções cinematográficas. Além disso, pretende ampliar a percepção auditiva dos participantes por meio de exercícios e análises fílmicas.

Entre os dias 25 e 27 de janeiro, das 10h30 às 12h30 e das 14 às 16 horas, o artista visual Lucas Rossi Gervilla será o responsável pela oficina “Documentários Domésticos”, com oferta de 25 vagas para interessados a partir de 16 anos. O objetivo da atividade é compartilhar ferramentas para que os participantes possam contar suas próprias histórias por meio de pequenos documentários. A Oficina focará em técnicas de filmagem e produção, sem sair de casa, utilizando equipamentos de baixo custo e acessórios fáceis de serem encontrados ou adaptados. E abordará os princípios básicos da edição e montagem.

De 25 a 29 de janeiro, das 15 às 18 horas, a diretora de arte e roteirista Camila Tarifa ministrará a oficina “Roteiro de Curtas”, com oferta de 20 vagas. O objetivo da atividade é ensinar conceitos básicos da escrita de um roteiro de curta-metragem, por meio da análise de modelos clássicos e contemporâneos da linguagem curta do audiovisual. E escrever um roteiro de curta-metragem a partir das ferramentas colocadas em cada aula.

Narrativas audiovisuais

Entre os dias 27 e 29 de janeiro, das 10 às 12 horas e das 14h30 às 16h30, o especialista em marketing, roteirista e consultor Gustavo Padovani será o responsável pela oficina “Roteiro para narrativas audiovisuais”, com oferta de 25 vagas. O objetivo da atividade é aprimorar a capacidade técnica e criativa dos participantes ao treinar práticas de escritas de roteiro, metodologias de criação, análises de estruturas narrativas e estímulo a um olhar crítico para os produtos audiovisuais contemporâneos.

De 27 a 30 de janeiro, das 09 às 12 horas, a produtora, roteirista e diretora Cris Reque ministrará a oficina “Produção executiva de audiovisual”, com oferta de 25 vagas. A proposta da atividade é permitir que os participantes tenham as ferramentas básicas para elaborar um projeto, sob o ponto de vista da produção executiva e compreender as etapas, demandas, documentos e a organização do trabalho executivo numa obra audiovisual.

Reencanto

Na mesma data, das 15 às 18 horas, a cineasta e educadora Larissa Figueiredo será a responsável pela oficina “Reencantar o corpo, reencantar o mundo”, com oferta de 20 vagas. Aliás, a atividade, que tem no cinema sua base de criação, convida outras artes e outras epistemologias. Tudo para provocar os participantes a produzirem pequenos vídeos diariamente. Por exemplo, diários corporais e audiovisuais, para juntos escutar os corpos através do cinema e acolher o que eles têm a ensinar neste período de intimidades cerceadas de liberdade.

De 28 a 30 de janeiro, das 10 às 13 horas, a produtora executiva, diretora de produção e curadora Maria Flor Brazil ministrará a oficina “Da ideia ao filme: Como desenvolver o seu projeto”, com oferta de 20 vagas. A atividade pretende ser um ponto de partida para pessoas de todas as áreas que desejam realizar um filme, com uma proposta já definida, mas que não possuem intimidade com o universo audiovisual. Afinal, o objetivo é estimular e estruturar as ideias para criação de um Projeto Audiovisual definitivo.

ALIÁS, TODA PROGRAMAÇÃO É GRATUITA PARA O PÚBLICO. Mais em: www.mostratiradentes.com.br

Ademais, veja mais:

Aliás, conheça A Incrível História da Ilha das Rosas na Netflix
Meu Cachorro e Eu | Comédia francesa de Yvan Attal estreia no streaming
Enfim, Supo Mungam Films lança streaming com cinema independente e autoral

Por fim, veja o curta “Na Beira”:

Escreve o que achou!