Culpado por Suspeita | Ceder ou resistir?

Culpado por suspeita” é um filme que apresenta uma época que Hollywood não tem muitos motivos para se orgulhar. Ao passo que, durante as décadas de 1940 e 1950, imperava nos Estados Unidos a paranoia contra o comunismo. Nesse ínterim, o maior símbolo desta obstinação foi o Comitê de Atividades Não Americanas. Os perseguidos tinham um dilema a enfrentar: ceder ou resistir?

Assim, diversos profissionais eram boicotados e impedidos de trabalhar na indústria cinematográfica se não “dessem nomes”. Por fim, o FBI promoveu uma verdadeira caça às bruxas. Ele tinha apenas o propósito de forçar as pessoas a delatarem seus colegas e conhecidos. Em suma, não importava a liberdade de expressão ou o direito de ir e vir. Se a pessoa teve contato com qualquer material ou evento de esquerda, ela era uma ameaça ao “estilo de vida americano”

Robert de Niro e Annette Bening

Ceder ou resistir?

Robert de Niro vive David Merril, diretor de cinema, cujo personagem é inspirado no diretor e ator John Berry, que na vida real foi delatado e boicotado por Hollywood. Logo, David muda de diretor prestigiado e requisitado para uma pessoa suspeita, indesejada e ameaça ao país. Eventualmente, ele foi delatado por algum colega por supostamente ser simpático ao comunismo.

Ele pode livrar sua cara, se fizer o mesmo que fizeram com ele: denunciar outros nomes de outras pessoas da indústria. Ele se vê diante de um impasse: Ele irá cede e colaborar com uma perseguição abusiva e antiética. E assim condenar seus amigos a passar pelo que está passando? Ele irá resistir e poupar seus amigos desta injustiça? Porém pagar o preço ao ser boicotado e seguido o tempo todo.

Robert de Niro

Cortina de fumaça

Os Estados Unidos sempre se gabaram por ser a “terra da liberdade”. Apesar disso, promoviam no momento uma verdadeira onda de censuras e perseguições políticas e retiradas de direitos civis em prol de uma bandeira que visava defender o american way of life a todo custo. Nesse sentido, um exemplo é citado no filme: a execução do casal Rosemberg, acusados de espionagem, cuja atividade de Julius foi pouco significativa para a guerra fria.

O FBI, principal responsável pelas investigações nesse período, era então um órgão federal. Seu chefe, o notório John Edgar Hoover, direcionava recursos e tempo da justiça mais para perseguir, censurar e investigar suspeitos de conexão com o comunismo, do que para combater de fato criminosos reais. Além disso, entre seus investigados esteve John Lennon, Martin Luther King Jr. e Charles Chaplin.

A paranoia do comunismo já serviu como justificativa para perda de direitos por aqui. O Brasil padeceu por mais de 20 anos sob uma ditadura pela invocação de uma paranoia de ameaça invisível da ideologia comunista. Uma mesma cortina de fumaça que o atual governo tenta utilizar, bipolarizando o país.

Falsamente acusado

Apesar do poder do tema e da história, o filme perde um pouco de seu impacto em seu roteiro. Todavia, o filme prefere apresentar personagens fictícios baseados em pessoas reais (com exceção do produtor Darryl F. Zanuck).

No roteiro original feito com o roteirista e diretor Abraham Polonsky (que foi colocado na lista negra na época) o personagem de Robert de Niro seria um comunista convicto. Contudo, o diretor Irwin Wenkler mudou isto para um diretor que é falsamente acusado. O filme é bem feito. Porém, isto tirou um pouco do impacto e profundidade que o mesmo poderia ter apresentado. Especialmente no dilema do personagem: Ceder ou resistir?

Desdobramentos e curiosidades

O ator Sam Wanamaker, que esteve na lista negra, participa do filme interpretando o advogado Felix Graff. Martin Scorsese faz uma ponta interpretando um diretor perseguido por ser comunista e que se exila na Inglaterra. Seu personagem é baseado na vida real do diretor Joseph Losey, que também esteve na lista negra.

Robert de Niro e Martin Scorsese

Ironicamente, Robert de Niro e Martin Scorsese foram encarregados de entregar um oscar honorário ao diretor Elia Kazan em 1999. Kazan foi um dos profissionais de Hollywood que contribuiu com o FBI, delatando colegas que tiveram suas carreiras destruídas.

Onde assistir

Apesar de não ter a mesma potência de um filme como “Trumbo”, “Culpado por suspeita” é um bom filme para se iniciar no temas do Macarthismo e da guerra fria.

O filme pode ser visto com exclusividade no serviço de streaming Petra Belas Artes à La Carte.

Ademais, leia mais:
O Carteiro das Montanhas e o ciclo verde da vida
Tigertail e o choro contido | Crônica
O Despertar da Lenda | Crônica de um heroísmo

Por fim, assista ao curta-metragem “Na Beira”:

Escreve o que achou!