8 livros para ler durante as férias

Um louco 2020 termina e muitos anseiam por pausa e descanso. Afinal, o mundo enfrenta uma pandemia causada pela Covid-19. A princípio, um bom artifício para tentar aliviar as tensões é a leitura. Certamente, os livros são uma ótima ferramenta para acalmar a mente e mudar a atenção para outros assuntos. Pensando nisso, especialistas do Clube de Autores, maior plataforma de autopublicação da América Latina, montaram uma lista com diversos estilos de obras para aproveitar uma boa leitura nestas férias.

Enfim, confira:

1 – No caminho eu conto, por Hermom Dourado

A trajetória que transformou Nilson Lima em Homem-Maratona. A obra traz informações, relatos e depoimentos que resumem a trajetória esportiva do homem que se transformou em um dos brasileiros mais conhecidos entre os corredores de longa distância do planeta.  Aliás, o autor participou da terceira edição da Maratona de Uberlândia, acompanhando o atleta que é homenageado emprestando o nome ao evento, Nilson.

2 – Milpérolas, por Sheila Ferraz

Uma história comovente de superação emocional e transformação pessoal, em que uma menina ressignifica suas mil lágrimas em mil pérolas por meio da criatividade de sua arte. Pensando nas crianças que tiveram suas vidas interrompidas e seus cotidianos suspensos pelo covid-19, a autora Sheila Ferraz e a ilustradora Pérola do Amaral juntaram suas forças para ajudar neste momento tão delicado.

3 – Fui Eu!, por Daniel Wolf Sarmento

O livro é uma trama policial que conta a história de Isabelle, que após chegar de uma festa, encontra sua mãe morta em sua cama com sinais de suicídio. Dois investigadores da cidade de São Paulo, intrigados, buscam desvendar o realmente aconteceu naquela noite do suposto suicídio.

4 – Correndo com os Etíopes, por Danilo Balu

Um mergulho na cultura da corrida do País que tem alguns dos maiores corredores que o mundo já viu. O autor viajou até Etiópia para descobrir como um dos países mais pobres do mundo adotou a corrida de longa distância e a dominou. O que os faz tão especiais e vitoriosos? Seria a genética daquele povo? A altitude de suas principais cidades? A pobreza como um motor social? Ou seria ainda um treinamento especialmente elaborado?

5 – Nunca toque o sino, por Honney Cordeiro

Em uma obra franca e carregada de emoção, o policial Honney Cordeiro escancara a sua jornada de vida e suas emoções. Seu texto narra o crescimento espiritual e a conexão com o seu poder interior, e transporta os valores das operações especiais para a vida do homem comum, do trabalhador do dia-a-dia. Inspirando todos aqueles que desejam persistir na busca incansável por seu objetivo.

6 – Amor desconhecido, por Giovana Souza Neves

Apaixonada, Cathleen Davis passa por um obstáculo de se declarar para sua melhor amiga, que já tem um namorado. Porém, sem saber como falar e como ela reagiria, decide fazer pequenos esquemas de como conquistar o coração da amada.

7 – Invisíveis, por Flávia Keretch

Após Danyan receber uma mensagem misteriosa de alguém dizendo saber quem matou seu pai há 6 anos, ela e seu melhor amigo Sam, entram em eletrizantes aventuras ao começarem a investigar diversos assassinatos que estão ocorrendo pela cidade. Dessa forma, em busca de respostas, eles se envolvem em várias confusões desastrosas e por vezes hilárias.

8 – As Lendas de Tyrondir, por Guilherme Reis Mantovani

Guilherme e Leslie vão parar em outro mundo ao atravessar uma passagem entre arbustos. Juntos, descobrem que sua presença em Tyrondir tem um significado muito mais perigoso do que poderiam supor. Os segredos ocultos de um rei cauteloso, o estranho isolamento dos povos tyrondianos, o ardil de uma ameaça. Entretanto, até onde eles estarão dispostos a seguir adiante para ajudar a livrar Tyrondir do prenúncio crescente de uma guerra?

Ademais, leia mais:
Pequenos Escritos de Um Andarahy Grande | Livro traz memórias de um bairro especial
Tigertail e o choro contido | Crônica
O Despertar da Lenda | Crônica de um heroísmo

Por fim, veja o poético curta “Na Beira”:

Escreve o que achou!