Papo de Compositor | Projeto retrata a rotina de compositores brasileiros

Dar voz a quem está por trás da criação de grandes canções. Esse é o propósito do “Papo de Compositor”, projeto que reúne alguns dos mais expoentes compositores brasileiros. Com um mix de bate-papo sobre músicas importantes na vida desses personagens, performances e depoimentos, a iniciativa será dividida em duas lives. A transmissão acontece nos dias 29 e 30 de maio, a partir das 19h, no canal do Sindicato Nacional dos Compositores Musicais (SNCM) no Youtube, e lançará uma série documentária de oito capítulos.

As lives e cada episódio apresentarão o compositor e o seu processo criativo, curiosidades e caminhos do mercado fonográfico, com os conteúdos das entrevistas e os depoimentos de intérpretes, diretores e outras figuras importantes na projeção das obras para o público, além de registros inéditos. Serão contadas as trajetórias de Carlos Dafé (gravado por diversos artistas, como Tim Maia), Renato Piau (parceiro histórico de Luiz Melodia), Reppolho (autor de “Unicamente”, tema da novela “A Indomada”, da Rede Globo, com Deborah Blando, Andres Levin e Carl Sturken).

Além disso, tem Augusto Bapt (gravado por Gilberto Gil e pela banda Black Rio), Marvin Maciel (gravado por Seu Jorge), Valmir Ribeiro (gravado por Dudu Nobre), Tuninho Villas (gravado pelo grupo Chiclete com Banana) e Edson Baby (compositor da Unidos da Tijuca). Dentre as participações especiais estão Dudu Nobre, Bell Marques, Gabriel Moura, Cristovão Bastos, William Magalhães, Cláudio Infante e Leonardo Morel. A apresentação das lives é do cantor e compositor Muato.

Sindicato

O “Papo de Compositor” é uma realização do Sindicato Nacional dos Compositores Musicais com o patrocínio do Governo do Estado do Rio de Janeiro, Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa, através da Lei Estadual de Incentivo à Cultura. A série, dirigida por Alonso Martinez, é toda produzida no Centro de Convivência Milton Nascimento (CCMN), espaço multicultural situado no prédio do SNCM, na Lapa, no Centro da cidade do Rio de Janeiro.

Tuninho Villas, que também preside o SNCM, revela que o projeto nasceu da necessidade de destacar a importância da canção popular na construção da nossa identidade e de estimular o reconhecimento da profissão de compositor. “Queremos conectar esse personagem tão fundamental para a criação musical à memória afetiva do público”, projeta.

– O Brasil sempre exportou sua música e esse patrimônio cultural é reverenciado em todos os cantos do planeta. No cenário atual, os compositores, que são os artistas responsáveis pelo primeiro estágio da criação das obras musicais, têm suas trajetórias e relevâncias desconhecidas do grande público. Isso precisa mudar – ressalta Villas.

Para acompanhar a live e a série de documentários, acesse https://www.youtube.com/channel/UC7Drg63SHLmhu8JzBmI-RMw/

Ademais, veja mais:

Voando Baixo | Mv Bill lança seu 12° disco e fala sobre veganismo
Carimbó | Silvan Galvão lança o trabalho Família Galvão com os filhos
Enfim, tome um ‘Caffè Sospeso’, filme aromático que desperta

Escreve o que achou!