Filme ‘Calipso’ mostra um casal em quarentena | Assista!

Calipso é um curta-metragem que fala sobre um casal obrigado a ficar em quarentena. Tem muito a ver com esse momento que passamos, pois mostra uma situação extrema que surge a partir de uma epidemia. Nesse caso, a origem é um fungo que somente parasitava insetos – formigas – mas acabou invadindo as cidades, onde encontrou um novo hospedeiro: o ser humano. Os cidadãos estão trancados em suas casas, forçados a se isolar.

O filme é bem dirigido por Paulo A. M. Oliveira e Pedro Martins, os quais já começam brincando com a profundidade de campo, usando o foco com maestria para mostrar rostos e fotos, contrastando com o fundo. O roteiro bem definido de Pedro Martins facilita a abordagem, enquanto a música de Aurélien Vieira Lino dá o tom de suspense e drama necessário. Além disso, a boa fotografia de Nuno Martini, favorece a aura sombria que envolve a obra.

Um casal que deve lidar com seus problemas

O casal (Pedro Laginha e Adriana Moniz, eficientes) em quarentena não está muito feliz. Algumas dificuldades do isolamento ficam claras, como a insossa comida enlatada. Inclusive, há um outro isolamento que ocorre entre eles próprios, como na distância da mesa em que fazem suas refeições, ou nas posições que dormem. Dessa forma, o curta acaba sendo também sobre os problemas de uma relação e a quarentena que acontece em um momento crucial do relacionamento. As atuações são boas, como na cena em que estão deitados e o diretor foca no rosto da mulher, Sandra, que faz questionamentos.

O isolamento faz com que embate e as discussões se tornem inevitáveis. Será que a morte virá através da epidemia? A amante que aguarda é a morte? O filme traz reflexões sobre o momento mundial onde a quarentena está se fazendo necessária para conter a propagação do coronavírus, COVID-19. Contudo, os problemas pessoais continuam, ou até se agravam em situações em crise.

Filme passou por diversos festivais ao redor do mundo

Aliás, Calipso, de 2018, homenageia George A. Romero, foi selecionado por vários festivais de cinema e ganhou vários prêmios e menções especiais em diversos deles como: MotelX (PT); Shortcutz Lisboa, Viseu, Guimarães e Ovar (PT); Cine Horror (Brasil); HellFest (Brasil); Bifan (Coréia); Hrizantema (Sérvia); Sonho Lúcido (Itália); The Grave Plot (EUA); Aurora (México); Terror do sexto sentido (Índia); Filme de Terror de Exibição Irrestrita (GB); Festival de Cinema Flash de Berlim (Alemanha); Fantasporto (PT); Encontro de Cinema de Lisboa.

Veja o filme completo:

Ademais, leia mais:

Por Detrás da Moeda | Documentário foca nos músicos de rua do Porto | Fantasporto 2020
Aliás, o FestivalEuFicoEmCasa traz shows online por causa do COVID-19
Direção de Fotografia no cinema, o que é? Enfim, Flávio Ferreira explica nessa entrevista!
Anúncios
Show More

2 Comments

Escreve o que achou!

Instagram
%d blogueiros gostam disto: