Thursday, September 23, 2021

Educom Guarani | Conheça as produções audiovisuais de uma comunidade indígena

Educom Guarani é um projeto de extensão universitária da Universidade Federal da Integração Latino-Americana (UNILA). A saber, oferece oficinas de fotografia, rádio e vídeo junto à comunidade Guarani do Paraná desde 2018. A princípio, o projeto de extensão visava a formação dos docentes de Língua e Cultura Guarani, localizadas nos Tekoha (aldeias). Posteriormente, com o apoio de estudantes da UNILA, aconteceram gravações de aulas e cerimônias espirituais. Tais filmagens acabaram por evidenciar como a utilização de ferramentas audiovisuais poderiam auxiliar no processo pedagógico da comunidade.

Nesta terça-feira, 25 de agosto de 2020, entra no ar o site da Educom Guarani com diversos materiais produzidos pelos indígenas, como depoimentos visuais e orais, juntamente com textos variados sobre a experiência dos educomunicadores.

Produção no isolamento

A estudante Camila Lazarini, do sétimo período do curso de Letras, Artes e Mediação Cultural (LAMC), da Unila participa do projeto Educom Guarani desde 2019. “Agora nesse momento de pandemia a gente resolveu criar esse site como uma forma de armazenar e divulgar tudo o que vem sendo feito, o que a gente vem produzindo. A ideia é dar continuidade nesse projeto”, declara Camila.

A comunidade Guarani demandou a criação de um portal próprio para que suas tradições e eventos sejam divulgados. A ideia é que cada vez mais os educomunicadores guaranis, formados nas oficinas, utilizem o site do projeto Educom Guarani para este fim. Assim, eles podem continuar criando conteúdos com o material audiovisual que já possuem. Além disso, podem também produzir novos materiais dentro das comunidades, mesmo no momento de isolamento social causado pela pandemia do novo coronavírus.

Afinal, conheça o site: https://www.educomguarani.tk

*A saber, a foto de capa da matéria é dos educomunicadores guaranis que participaram das oficinas formativas, realizadas em 2019, no Tekoha Añetete. Veja outras em https://www.educomguarani.tk/galerias/fotos.

Ademais, veja mais:

Marco Gottinari lança “Xondaro” | “Somos livres quando cumprimos nosso propósito”
Além disso, conheça 5 álbuns de mulheres de Cabo Verde para ouvir
Por fim, Tela & Cor, o racismo no audiovisual brasileiro

7 Comments

Escreve o que achou!

%d blogueiros gostam disto: