Thursday, October 6, 2022

Crítica | 45 do Segundo Tempo

Não conheci meu bisavô italiano, mas ouvi a sua história, que é como de tantos outros imigrantes. No filme 45 do Segundo Tempo, Pedro Baresi (Tony Ramos) é um descendente de italianos, paulista, palmeirense, que tem uma cantina, mas passa por dificuldades financeiras. O filme já começa engraçado, com a veia cômica de Tony gerando expectativas do que virá pela frente. Em busca de um empréstimo, conta sobre seu avô que veio do país europeu para o Brasil.

Como diz a sinopse oficial, 45 do Segundo Tempo é uma comédia dramática. Esse drama se apresenta sob a forma de um retorno ao passado e as mudanças da vida. Como cada um arca com as consequências das próprias escolhas, amizades se transformam e como isso pode mudar o futuro.

Os personagens de Tony Ramos, Cássio Gabus Mendes (Ivan) e Ary França (Padre Mariano), são amigos de escola que se reencontram após 30 anos e começam a trocar reflexões que provocam o espectador sobre a fragilidade da vida, o cansaço com os desafios e até mesmo a fé. Em que momento a gente se perde da nossa essência? Dos sonhos juvenis?

Equipe

Esse elenco e a interação entre eles é o melhor do filme. A cena de Padre Mariano celebrando um casamento após uma ressaca é boa, apesar de que faz o espectador querer mais. O padre se destaca com suas dúvidas, com sua humanidade. Da metade em diante, uma viagem ao passado “glorioso” gera novos ensinamentos. Em verdade, eles resolvem procurar uma nostalgia de tempos mais pueris querendo encontrar algo que se perdeu no decorrer da jornada de cada um.

Por outro lado, Ivan lida com problemas familiares e não entende os rumos de sua família. Sua trama apresenta uma contemporaneidade que engrandece o filme. As metáforas usando o futebol com a vida são funcionais e didáticas, ainda mais pensando no público-alvo da película.

O elenco ainda conta com nomes como Denise Fraga (De Onde Eu Te Vejo e Música para Morrer de Amor e da novela Um Lugar ao Sol), Filipe Bragança (Cinderela Pop e das séries DOM e Só Se For Por Amor, da Netflix) e Louise Cardoso (Tudo bem no Natal que vem e da novela Além do Tempo).

Com direção segura de Luiz Villaça (da série indicada ao Emmy Internacional de Melhor Comédia A Mulher do Prefeito e do filme De Onde Eu Te Vejo), 45 do Segundo Tempo estreia exclusivamente nos cinemas de todo o Brasil no dia 18 de agosto de 2022.

Afinal, se liga no trailer:

Afinal, veja mais:

Pacificado | Saiba como foi a pré-estreia do filme e um papo com o diretor Paxton Winters

Crítica | ‘Tempos Super Modernos’ fala da dependência da tecnologia com humor

Descubra os filmes e séries não falados em inglês mais vistos do mundo

4 Comments

Escreve o que achou!