Monday, November 28, 2022

Crítica | ‘As Aventuras de Tadeo e a Tábua de Esmeralda’ é diversão para crianças curiosas

As Aventuras de Tadeo e a Tábua de Esmeralda é o terceiro filme da franquia de animação que é uma versão de Indiana Jones para criançada. Uma animação espanhola divertida, mas que não tem a grandiosidade e nem roteiro mais profundo como as da Disney/Pixar ou Dreamworks. Entretanto, é boa o suficiente para entreter o seu público-alvo, já que explora diversas culturas. De templos astecas, passando por Paris e desembarcando nas areias do Egito, essa aventura é um prato cheio para atiçar a curiosidade dos pequenos.

Neste novo capítulo, Tadeo mostra que seu maior sonho é ser aceito por seus colegas arqueólogos, mas seu comportamento naturalmente desastrado o atrapalha quando, acidentalmente, ele destrói um sarcófago raro e, como consequência, lança um feitiço que coloca em risco a vida de seus amigos. A jornada para salvar Múmia, Jeff e Belzoni desencadeará uma aventura carregada de ação que levará Tadeo e Sara a viajar para os mais distantes cantos do mundo em busca de uma forma de impedir a maldição da tábua de esmeralda.

Personagens

Apesar de Tadeo ser o protagonista, são seus amigos que brilham. Os companheiros animais Jeff e Belzoni são carismáticos e a Múmia que vive escondida no apartamento do aventureiro, sem dúvida é a grande estrela. Atrapalhada e responsável pela maioria das encrencas que Tadeo precisa resolver, ela é um personagem que fica no limite entre o engraçado e o irritante sem atravessá-lo. A maldição da qual os três são vítimas parece meio deslocada da história mas acaba servindo bem ao roteiro.

Aqui não há um diálogo com os adultos, como piadas de duplo sentido ou referências a filmes clássicos. Isso é um problema não só para os pais mas também para a atenção que o longa irá atrair. No máximo temos o detetive americano que vai se meter na caça por Tadeo. Ele é uma paródia dos policiais americanos que sempre resolvem tudo, porém aqui é quem vai atrapalhar os antagonistas.

Ação garantida

Em sua uma hora e meia de duração acontece muita coisa, o ritmo de As Aventuras de Tadeo e a Tábua de Esmeralda não diminui em momento algum após a primeira trapalhada do protagonista. Isso ajuda a manter a atenção dos pequenos e dos adultos que mesmo com as piadas mais bobas acabam não se entediando. O longa dialoga muito com essa nova geração que cresce com o celular e tem conteúdo o tempo inteiro. Não só porque a história não para mas também porque a Múmia é viciada em redes sociais e comprar qualquer coisa pela internet. Mas não há qualquer discussão ou crítica sobre isso, é apenas para fazer piadas.

O diretor Enrique Gato tem em sua carreira dois curtas animados, o longa No Mundo da Lua e a trilogia do aventureiro. É nítido que esse novo filme tem uma qualidade de animação superior aos trabalhos anteriores. Apesar do modelo simples dos personagens, e sem muitas texturas, os cenários são belíssimos. Isso conta muito em uma aventura que atravessa o mundo enchendo os olhos dos mais atentos aos detalhes.

As Aventuras de Tadeo e a Tábua de Esmeralda estreia dia 6 de Outubro nos cinemas. Enfim, confira o trailer:

Escreve o que achou!