Death to 2020 | A melhor retrospectiva do ano está na Netflix

Death to 2020 é comédia em sua veia mais irônica. Uma retrospectiva diferente com diversas caras conhecidas como Samuel L. Jackson e Lisa Kudrow, a Phoebe de Friends. Ainda por cima, tem Hugh Grant em participação marcante. Ah, o poder do humor como arma crítica é a principal virtude dessa obra audiovisual que acompanha acontecimentos desde o primeiro dia de janeiro de 2020.

O embate entre Joe Biden e Trump é um dos assuntos que ganham uma abordagem em que a polarização e a falta de tolerância exalam seu fedor através da televisão. Assim como as atitudes do presidente americano

Boris Johnson e suas contradições na Inglaterra, assim como a Rainha são alvos fáceis para piadas. Rever Lisa Kudrow em seu talento para o humor em uma personagem que é a cara de 2020 já faz valer assistir. Um elenco que tem ironia na veia domina a telinha com desenvoltura.

O formato é de documentário e programa de televisão típico de retrospectiva mesmo com foco especial nas eleições estadunidenses.

Além disso, as referências pipocam. Temos citações a Game of Thrones e ao universo cinematográfico da Marvel. E até mesmo a onda de coachs.

Death to 2020 não é genial, mas diverte ao mesmo tempo que consegue fazer pensar de uma forma humorística sobre alguns acontecimentos desse ano tão difícil que parece não ter fim.

Enfim, olha o trailer:

Ademais, veja mais:

Aliás, conheça A Incrível História da Ilha das Rosas na Netflix, vida real e a Ilha das Flores
Os Favoritos de Midas | Em seguida, uma história fechada e curta meio ‘Death Note’
Além disso, tem ‘Um Natal Nada Normal’ na Netflix. Entenda!

Por fim, veja:

Escreve o que achou!