Conecte-se conosco

Cinema

Crítica | ‘Desapega!’ uma comédia sobre compradores compulsivos

Publicado

em

Tem saído comédias brasileiras muito mais constrangedoras do que engraçadas. Piadas que para a quinta série já eram ruins, falta de timing e péssimas atuações são recorrentes. Desapega! de Hsu Chien vai além e entrega um comercial da OLX de uma hora e meia de duração, e dos mais sem graça.

Depois de controlar o seu vício em compras, Rita (Glória Pires) assume a liderança de um grupo de apoio a compradores compulsivos para ajudar outras pessoas a dar a volta por cima. Ela também começa um novo romance com Otávio (Marcos Pasquim) e parece que nada pode apagar o seu brilho. Mas Duda (Maisa Silva), sua única filha e melhor amiga, revela que tem planos de sair de casa. Agora, Rita precisa aprender a arte do desapego.

Falta de gravidade e bom senso da narrativa

O bom senso já nos diria que fazer humor com personagens que possuem algum transtorno é algo delicado e precisa ser bem pensado. Desapega! trata de compradores compulsivos tirando qualquer gravidade dos casos apresentados. Tudo é tratado de forma tão simplória que parece que não existe problema algum na vida daqueles personagens.

Nenhum deles aparenta ter problemas financeiros reais. Mesmo Otávio que trabalha em um escritório de contabilidade e parece não ter o melhor dos cargos vive em uma baita casa de dois andares. A única personagem que tem algum problema familiar pela sua compulsão é Rita. Mas a recaída dela acontece somente perto do fim do filme e logo tudo se resolve como em um bom comercial de família feliz. Se já não fosse uma narrativa ruim o suficiente a solução para todos é um grande brechó para desapegar e claramente alimentando a compulsão dos que visitavam o local.

Desapego até na atuação

Apesar de ter Glória Pires e Marcos Pasquim no elenco o filme é uma grande tragédia em termos de atuação. O grupo de apoio de Rita tem personagens forçadamente caricatos onde a piada recorrente é a busca por promoções. Já no escritório de Otávio, o drama é a chegada de jovens estagiários e o medo da demissão que não se desenvolve. Digão Ribeiro interpreta o chefe do local que coloca palavras aleatórias em inglês no meio de todas as suas frases, difícil atuar com um roteiro tão ruim como esse.

Por fim, Maisa faz par romântico com Matheus Costa. É um casal totalmente sem sal e que não funciona em nenhuma situação engraçada e nem dramática. Duda quer estudar fora, vai se afastar da mãe e do namorado por meses. O roteiro tenta colocar a questão dele ficar sem seu amor mas isso passa com uma rapidez e frieza que nem parece que eles se amam tanto assim. As relações são mal elaboradas e quebra qualquer possibilidade de nos conectarmos, nem que seja para dar umas risadas.

Desapega! estreia hoje nos cinemas. Fique com o Trailer:

Por último, leia mais:

Muco | Documentário mostra contradição na tradição indiana (viventeandante.com)

Andança – Os Encontros e as Memórias de Beth Carvalho | Crítica (viventeandante.com)

Yoga De Rua | Conheça o extraordinário na simplicidade (viventeandante.com)

Estudante de Comunicação Social com foco em Cinema. Além dos filmes, amo quadrinhos e vídeo games, sempre atrás de boas histórias.

Anúncio
Clique para comentar

Escreve o que achou!

Cinema

Zack Snyder leva exclusividade de Rebel Moon à CCXP23

Zack Snyder e elenco de Rebel Moon levam Palco Thunder à loucura na CCXP23.

Publicado

em

Em uma noite que entrará para a história da CCXP, a Netflix e Zack Snyder apresentaram pela primeira vez para o público, na sexta (1), o universo de Rebel Moon, nova aventura épica do diretor. Além de Snyder, que fez sua grande estreia na CCXP, o elenco do filme e os produtores Deborah Snyder, Eric Newmann e Wes Coller também participaram do painel no Palco Thunder, nesta sexta (1), onde aconteceu a primeira exibição mundial de Rebel Moon – Parte 1: A Menina do Fogo, que estreia no dia 22 de dezembro na Netflix.

O aguardado painel, que contou com a apresentação de Carol Moreira e João Luis Pedrosa, começou com a invasão do temido Mundo-Mãe. Soldados dominaram o palco e, em seguida, a audiência foi transportada direto para os planetas e luas da saga, como Veldt e Neu-Wodi, além de descobrirem as criaturas e novos heróis do universo Rebel Moon! Snyder, os produtores e elenco, formado por Sofia Boutella, Djimon Hounsou, Ed Skrein, Michiel Huisman, Ray Fisher, Charlie Hunnam, Staz Nair e E. Duffy, receberam muitos aplausos dos fãs brasileiros a cada interação dos atores. Para o delírio do público, Charlie Hunnam exibiu a camiseta do Brasil por baixo do figurino, Ed Skrein fez uma entrada triunfal ao lado de soldados do Mundo-Mãe, enquanto Staz Nair surpreendeu o público ao mandar ver no português, com direito a um “obrigado, família!”.

Exclusividade para o Brasil

Snyder, junto do elenco e demais produtores, compartilhou detalhes exclusivos sobre os personagens e as experiências de gravação no set de filmagem. Em um momento emocionante de celebração dos fãs, seis sortudos da plateia puderam fazer suas perguntas diretamente para os atores. “Para mim, escalar o elenco é uma parte muito importante de fazer um filme. Eu tinha ideias muito específicas do que queria para os personagens. É uma honra e um privilégio incrível trabalhar com esses atores”, comentou Snyder, enquanto Sofia celebrou sua protagonista “badass”. 

No auge do painel, a exibição na íntegra de Rebel Moon – Parte 1: A Menina do Fogo, no telão do Thunder, se materializou em um espetáculo visual repleto de ação e efeitos especiais que deixou a audiência em êxtase. “Rebel Moon é uma carta de amor para a ficção científica”, anunciou o diretor sob uma salva de palmas.

Mais surpresas

E não parou por aí. Ao final da sessão, o público (e o elenco!) se surpreenderam com um teaser inédito da Parte 2 do filme, também exibido pela primeira vez no Brasil. Com isso, a expectativa foi lá no alto para a estreia de Rebel Moon – Parte 2: A Marcadora de Cicatrizes. A parte 2 chega na Netflix em 19 de abril de 2024.

Vale lembrar que o público da CCXP tem até domingo (3) para explorar o universo Rebel Moon através de experiências imersivas exclusivas. Réplicas hiperrealistas, interações com criaturas do filme, visitas ao bar de Providence e a oportunidade única de estrelar Rebel Moon em um trailer personalizado. Essas são apenas algumas das experiências que aguardam os fãs nos próximos dias. Chega mais, o futuro pertence aos rebeldes.

Por fim, leia mais:

Confira os principais destaques da CCXP 2023: adult swim, HBO Max e Unlock CCXP

CCXP 23: Gigantesco evento completa 10 anos com toque carioca, confira as dicas!

Cinefantasy inicia no sábado sua 15ª edição

Continue lendo
Anúncio
Anúncio

Cultura

Crítica

Séries

Literatura

Música

Anúncio

Tendências