Wednesday, September 22, 2021

Gaya Food | Novo app oferece alimentos Zero, Fit e opções para vegetarianos e veganos

A pandemia vem provocando mudanças nos hábitos alimentares de grande parte dos brasileiros. Dessa forma, muitos passaram a consumir produtos mais saudáveis, a maioria feitos com ingredientes frescos e orgânicos. Além da busca por uma refeição natural, sem componentes químicos ou agrotóxicos, tendências como vegetarianismo e veganismo também vem crescendo.

Conforme pesquisa realizada pelo Ibope em 2020, 47% dos brasileiros reduziram o consumo de carne devido ao aumento dos preços. Por outro lado, o interesse por matérias ligadas ao vegetarianismo e ao veganismo também cresceu. Em 2018 cerca de 30 milhões de brasileiros se declararam vegetarianos. Esse resultado indicou crescimento de 75% em relação a 2012, quando apenas 8% da população era adepta a esse tipo de alimentação.

Em paralelo ao vegetarianismo, outra corrente que vem ganhando força é o veganismo. Essa filosofia exclui por completo o consumo de qualquer componente de origem animal, em esferas que vão além da alimentação. Estudo da NutriNet Brasil, realizado pelo Núcleo de Pesquisas Epidemiológicas em Nutrição e Saúde da Universidade de São Paulo (Nupens/USP) em 2020, detectou um aumento generalizado na frequência de consumo de frutas, hortaliças e feijão de 40,2% para 44,6% durante a pandemia.

Novos rumos

Essa mudança positiva no comportamento alimentar pode ser explicada principalmente pela preocupação das pessoas em melhorar a alimentação. Pois, assim, as defesas imunológicas do organismo melhoram, pois o consumo de alimentos in natura ou minimamente processados fortalece os mecanismos de defesa. Entretanto, a ingestão de comidas ultraprocessadas, por serem pobres em vitaminas e minerais, favorecem o aparecimento de doenças crônicas como obesidade, diabetes e hipertensão que aumentam a letalidade da Covid-19.

Para a indústria de alimentos, esses novos hábitos de consumo vem estimulando a criação de novas marcas e de produtos mais saudáveis, nutritivos e fáceis de preparar. Além disso, devem trazer junto com os ingredientes e dados nutricionais, informações sobre a procedência das matérias-primas em suas embalagens.

Segundo o Euromonitor, o Brasil ocupa hoje a quarta colocação mundial no ranking de vendas de alimentos e bebidas saudáveis. Esse é um mercado que movimenta US$ 35 bilhões e vem registrando crescimento médio de 12,3% ao ano. Por aqui, 22% da população opta por comprar alimentos naturais e sem conservantes e, para 28% dos brasileiros, consumir alimentos nutricionalmente ricos é muito importante.

Plantas

Dentro deste segmento há setores que têm se destacado como os de alimentos plant based, com matéria-prima de origem vegetal. Em seguida, os clean label, que significa rótulo limpo, e free from, sem a adição de glúten, açúcar, lactose e aditivos químicos.

De olho nesse movimento surgiu o Gaya Food, um aplicativo voltado para intolerantes a glúten, açúcar e lactose, vegetarianos, veganos e pessoas que querem se alimentar melhor sem perder tempo. Ele combina a praticidade do delivery com restaurantes, hortifrútis orgânicos, açougues veganos e mercados que produzem opções para quem quer manter o equilíbrio do corpo e mente através da alimentação.

Além do delivery especializado, a Gaya Food também quer proporcionar aos usuários experiências diferenciadas com dicas de dietas, receitas, eventos e suporte especializado de médicos e nutricionistas fornecendo conteúdo associado a esse universo através do portal Mundo Gaya.

Já, para os consumidores, o aplicativo permite a busca de restaurantes e lojas por região, o acompanhamento e pagamento dos pedidos, além de oferecer benefícios e conteúdo personalizado para os membros da Comunidade Gaya.

O serviço de delivery é feito diretamente pelos parceiros. Isso possibilita o controle de todo o processo e flexibilidade nas entregas. Dessa forma, podem ser feitas sob demanda e também em horários diferenciados, conforme a necessidade de cada cliente.

Empresas como Casa Celi, Delícias Fit, Vital Sucos, Organic 4, Cajuí, Colher de Mel, Gula Fit, Cozinha as Loli e Brownie da Re já aderiram ao Gaya Food que começou a funcional no início de abril. No Rio de Janeiro, o primeiro restaurante a aderir foi o Bandolim Restaurante Cult Bar de culinária estritamente vegana, que também possui molhos diversos à venda.

Por fim, mais informações em www.gayafood.com.br  / Instagram: @gayafood  / Facebook: GayaFood

Escreve o que achou!