Na Rédea Curta | Filme traz o lado cômico da maternidade solo

A história de Na Rédea Curta acontece na periferia de Salvador. Júnior, criado apenas pela mãe, tem um namorico, e, quando tudo ocorria bem, veio a surpresa: aos 20 anos, descobre que vai ser pai.

Com distribuição da Elo Studios e produção da Rosza Filmes, o longa-metragem traz em seu elenco nomes como Zezé Motta e Jackson Costa e participações especiais como a da jornalista e apresentadora Rita Batista. O roteiro fica por conta de Ary Rosa, Camila Gregório, Glenda Nicácio, Sulivã Bispo, Thiago Almasy e Tidi Eglantine.

Júnior, movido pela nova fase, cheio de dúvidas, medo e curiosidade, Júnior busca informações sobre seu pai. Mainha tenta desviar, mas, após tanta pressão, a origem do pai é revelada: mora no interior do Recôncavo da Bahia, na cidade de Cachoeira. Júnior, obstinado a criar laços paternos, inicia a viagem, cheio de ansiedade.

Bispo arrasa

Sulivã Bispo esbanja graça com sua personalidade arretada, a Mainha, com muitas frases e gestos divertidos! Apesar de aparentar ser durona, é nítido que é uma mãe super protetora, que sempre cuidou muito bem de seu filho, dando tudo que era necessário, sem a presença paterna.

Dessa forma, depois de muitos esforços de Mainha e desencontros para encontrar o pai de Júnior, o evento tão aguardado acontece. Laços familiares já estreitos, há um medo maternal de ser trocada pelo novo, ou seja, pelo pai. Júnior, por sua vez, repara a importância de sua mãe na sua vida, fazendo o coração do espectador ficar super quentinho de tanto carinho na cena final!

O ponto mais legal de Na Rédea Curta, além das risadas que Mainha proporciona, é mostrar que a maternidade solo não é um problema, mas um fato comum, que pode acontecer quando menos espera. E ainda vai além: valoriza a força feminina que nasce com a maternidade, mesmo com solidão, anseios, sempre pensando no melhor para seu filho e administrando vida pessoal, casa, se esforça para dar conta de tudo.

Na Rédea Curta retrata que independente de classe social, mesmo com todos os percalços, uma mulher pode sim criar sua prole sozinha. É uma mistura de coragem, força, fé, paciência, amor e comédia, de ser uma família inteira sendo uma só. Também é apontado em como a maternidade faz com que uma mãe se desdobre para ver sua cria feliz, um pouco até de abnegação… Pode ser que haja uma crítica implícita: o Júnior ter um leve atraso em amadurecer, provavelmente por conta dessa super proteção. Mas, aparentemente aprendeu a voar quando se tornou pai… Quem saberá dizer?

Na Rédea Curta estreia em 01 de dezembro de 2022.

Por fim, veja o trailer:

Com mais de 400 mil inscritos no YouTube, “Na Rédea Curta” é originalmente uma websérie que retrata de forma bem-humorada o cotidiano de uma mãe e seu filho na periferia de Salvador.

Ademais, leia mais:
Muco | Documentário mostra contradição na tradição indiana
Cem ruínas na esquina da poesia | Livro viaja pela fé
Enfim, a Pedra Rara da Capa Comics

1 Comment

Escreve o que achou!