Pluralidade lusófona é tema de segundo encontro do webinário do Museu da Língua Portuguesa

A presença do português no mundo e as trocas linguísticas entre os oito países lusófonos são tema da segunda mesa do webinário Língua portuguesa e direitos humanos: a reabertura do MLP, promovido pelo Centro de Referência do Museu da Língua Portuguesa, instituição da Secretaria de Cultura e Economia Criativa de São Paulo. O encontro acontece no dia 25 de maio, a partir das 11h, e reúne a pesquisadora e professora Regina Brito (Universidade Presbiteriana Mackenzie/Museu Virtual da Lusofonia) e a Capulanas Cia. de Arte Negra.

Como o título Pluricentrismo: a presença do português, a conversa vai abordar o trânsito entre as falas lusófonas em diversas partes do mundo, as trocas linguísticas entre falantes de língua portuguesa e em que pontos eles se encontram. A proposta é estimular a reflexão sobre o fluxo da língua portuguesa entre esses diferentes lugares e linguagens.

A mesa será transmitida ao vivo no YouTube e Facebook do Museu, com mediação da coordenadora do Educativo da instituição, Marina Toledo. Haverá tradução simultânea em libras, a língua brasileira de sinais.

Webinário

O webinário Língua portuguesa e direitos humanos: a reabertura do MLPcomeçou em 18 de maio, como parte da Semana Nacional dos Museus, e conta com a participação de especialistas, artistas e articuladores em quatro encontros virtuais, sempre às terças-feiras.

O objetivo do webinário é discutir temas cada dia mais urgentes nos museus contemporâneos, como antirracismo, democracia, direitos humanos, decolonialidade e o bem-viver, além de debater a função social de instituições como o Museu da Língua Portuguesa. Com reabertura prevista para o segundo semestre de 2021, o MLP vem se planejando para desenvolver ações que articulem, integrem e impactem a sociedade, mostrando-se a serviço dela.

As mesas dão direito a certificado –  que deve ser solicitado durante a transmissão, com preenchimento de lista de participação a ser divulgada no chat.

O webinário Língua Portuguesa e direitos humanos conta com patrocínio do Itaú Unibanco, por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura.

PROGRAMAÇÃO COMPLETA

25 de maio
Pluricentrismo: a presença do português no mundo
Com a pesquisadora e professora Regina Brito (Universidade Presbiteriana Mackenzie/Museu Virtual da Lusofonia) e a Capulanas Cia. de Arte Negra. Mediação: Marina Toledo, coordenadora do Educativo do MLP

1º de junho
Que português é esse?
Com o professor e pesquisador Gabriel Nascimento (Universidade do Sul da Bahia), autor do livro “Racismo linguístico: os subterrâneos da linguagem e do racismo”, e a poeta e pesquisadora Luna Vitrolira. Mediação: Luiza Magalhães, supervisora do Centro de Referência do MLP.

8 de junho
Diversidade linguística: entre a celebração e a resistência
Com o pesquisador Alexander Yao Cobbinah (Universidade de São Paulo/University of London SOAS – School of Oriental and African Studies), a drag queen e professora Rita von Hunty (Unirio e USP) e o youtuber Gui Fernandes. Mediação: Cecilia Farias, pesquisadora do Centro de Referência do MLP.

Onde assistir:
youtube.com/museudalinguaportuguesa

facebook.com/museudalinguaportuguesa

Ademais, leia mais:

Them | Crítica
O Pequeno Herói Preto | Projeto mescla linguagens e aborda a representatividade
Enfim, Literatura africana | Conheça o projeto da livraria online com obras sobre África

Escreve o que achou!