Wednesday, September 22, 2021

Vou pra Cima | Francisco, el Hombre lança single com Sidney Magal

Em parceria com Sidney Magal, a banda Francisco, el Hombre divulgou nesta sexta-feira,11, a música “Vou pra Cima”. A canção que está disponível nas plataformas digitais mostra a ligação em que a banda e o cantor têm em comum: a música latina. Esta é a sétima novidade da banda que desde o início da pandemia vem compartilhando novos trabalhos para a alegria do seu público.

Há cinco anos, a Francisco, el Hombre apresentou “O Meu Sangue Ferve Por Você”, clássico de Magal, em seus shows e as performances passaram ser consideradas os momentos mais festivos das apresentações. Ou seja, a relação de admiração e proximidade com Sidney Magal vem de algum tempo. “Quando ‘Vou pra Cima’ começou a se materializar, percebemos que ela tinha uma energia semelhante àquela que sentíamos ao tocar ‘O Meu Sangue Ferve Por Você’ ao vivo”, fala Sebastianismos. “Foi uma enorme surpresa quando convidamos o Sidney para participar e ele não só topou, mas amou e se identificou com a música também”, completa.

Francisco, el Hombre lançou outros seis singles em 2020

O curioso é que os integrantes gravam e produzem as próprias faixas, pois foi herdado ao longo dos anos com a vida frequente nas estradas. Essa característica foi muito oportuna este ano porque ela facilitou o processo de criação durante o período de isolamento social. Para quem ainda não ouviu, vale conferir os lançamentos de 2020: “Juntos, Nunca Sós”, em parceria com Luê; “Despedida”; “Valer La Pena”, com Mestrinho; “Baile Sudaca”, em colaboração com a banda chilena Moral Distraída; “Bebemorando”, que é um projeto em homenagem a Adoniran Barbosa; e uma versão para “Brasil Pandeiro”, clássico dos Novos Baianos.

“Durante a quarentena, na época do meu aniversário, veio muito forte o sentimento de que eu queria viver e aprender mais. Foi daí que surgiu a ideia da volta ao sol e da vontade de querer dar mais voltas em torno dele”, diz Mateo-Piracés Ugarte, que forma a Francisco, el Hombre ao lado de Sebastianismos (voz e bateria), Ju Strassacapa (voz e percussão) e Andrei Kozyreff (guitarra). “Todo carisma transmitido pelo Sidney Magal e o fato de ele querer fazer uma música com a gente, que tem um ritmo diferente, reforça o tesão que ele tem por viver e aprender”, complementa Mateo.

Ademais, veja mais:

CCXP | Como foi o primeiro dia da Comic Con Experience

Turma da Mônica – Lições | CCXP traz cena do aguardado filme

Um Natal Nada Normal | A minissérie alemã que traz esperança

Escreve o que achou!