Tuesday, October 19, 2021

Conheça 15 atrações turísticas do Litoral Norte de São Paulo

A primavera começou e vem junto com a expectativa de temperaturas mais altas que possibilitam roteiros não só de praia e sol, como também de ecoturismo e natureza. E, para esse período, o Circuito Litoral Norte de São Paulo, composto pelas cidades de Bertioga, Caraguatatuba, Ilhabela, São Sebastião e Ubatuba, é destino certo para uma viagem segura e recheada de atrativos.

Afinal, essa é a estação ideal para aproveitar o melhor da região com temperaturas agradáveis e sem o pico do alto verão, o que garante um bom custo-benefício em serviços de hospedagem, alimentação e lazer.

Aliás, vale lembrar que o Litoral Norte de São Paulo é a primeira região turística do Estado com o reconhecimento do selo Safe Travels. A chancela do WTTC concedida via Setur/SP reconhece os destinos que adotaram protocolos globais de saúde e higiene contra a Covid-19.

Dessa forma, para ajudar os visitantes que estão planejando cair na estrada nessa temporada, o Circuito Litoral Norte preparou uma lista com 15 atrativos distribuídos nas cinco cidades que combinam sol, mar, Mata Atlântica e diversos outros diferenciais da região. Descubra em seguida:

Bertioga

Trilha d’Água

Localizada no bairro Mangue Seco, a Trilha d’Água permite conhecer o processo de mudança da vegetação de Mata Atlântica preservada, passando pelo manguezal, restinga, mata paludosa, de encosta e ombrófila densa e ainda possui atrativos culturais, como a passagem pela linha do bondinho da Usina Itatinga e a ponte de ferro do Rio Guaxanduva.

Passeio de barco individual

Diferente dos já tradicionais passeios de lancha ou escuna que partem com grupos de turistas, o passeio individual oferece uma opção ainda mais exclusiva desse tipo de roteiro em Bertioga. As embarcações têm capacidade para até 25 pessoas – que podem ser da mesma família ou grupo de amigos – e saem com destino ao canto da praia do Indaiá ou do Camburizinho.

Esse tipo de passeio também é indicado para pesca esportiva, de 12 a 24 horas, seja em alto mar ou para o Montão de Trigo.

Aldeia indígena

Já na divisa de Bertioga com São Sebastião, na Praia de Boracéia, estão as Terras Indígenas do Rio Silveira, onde vivem cerca de 500 índios guaranis. A aldeia mantém viva sua cultura, com danças, músicas, culinária e artesanato típico.

Caraguatatuba

Trilhas

As trilhas são uma boa pedida para explorar toda a natureza preservada de Caraguatatuba. Principalmente a que leva até a cachoeira do Massaguaçu, ideal tanto para banho, quanto para ensaios fotográficos.

Passeios Náuticos

Em um passeio de lancha por Caraguatatuba, é possível conhecer lugares como os ilhotes da Cocanha, a pouco mais de um quilômetro da praia de mesmo nome, e que conta com uma das maiores fazendas de mariscos do Estado, com 36 mil m² e uma produção que pode chegar a até 160 toneladas por ano.

E também a Ilha do Tamanduá, com 1.133 m², que é coberta por vegetação natural e conta com cinco praias: do Fogaça, da Fazenda, do Meio, da Laje e do Sururueiro.

City tour 4×4 pelas praias ou mirantes

Outra boa opção para conhecer as praias da cidade, como Cocanha, Mococa e Martim de Sá, é um passeio de 4×4. Além disso, há opção de tour que visita as principais atrações histórico-culturais da cidade, assim como o complexo Mirantes da Orla, que reúne três mirantes: o do Mangue, do Costão e o do Pôr do Som. Além de oferecer bela vista da região – incluindo as cidades vizinhas de São Sebastião e Ilhabela – o local foi projetado para funcionar como um point cultural, recebendo eventos musicais.

Para Raquel Guimarães, da Na Onda da Trilha Ecoturismo, as expectativas para primavera são as melhores possíveis. “Tem crescido bastante a procura e orçamentos por passeios tanto náuticos quanto de trilha. Já deu pra notar um leve crescimento e acredito que daqui pra frente a procura seja ainda maior, pois começa a esquentar e o turista já começa a fazer suas reservas”, afirma.

Ilhabela

Birdwatching

Ilhabela tem as dez maiores montanhas insulares do Brasil, com picos que chegam a 1300 metros de altura, além de área de mangue e 130 km de faixa costeira. Essas características de relevo proporcionam um ambiente ótimo para as aves, e, por isso, não é de se espantar que a ilha reúna mais de 350 espécies, entre elas, o Papagaio-moleiro, eleito a ave símbolo da cidade. Há passeios guiados especialmente para a observação de aves como o Tiê-sangue e o Tangará.

Cachoeiras

Graças à sua biodiversidade preservada, Ilhabela é considerada a ilha com o maior número de cachoeiras do país. São cerca de 40 catalogadas, mas há quem diga que existe uma queda d’água para cada dia do ano na cidade.

E, entre os destaques estão a da Friagem, queda com 25 metros de altura que conta com ducha natural, e a dos Três Tombos, que é formada por três quedas, sendo que a primeira tem 30 metros de altura e forma uma piscina natural perfeita para banho, inclusive para famílias com crianças.

Fazenda Engenho D’Água

A fazenda foi construída no período da produção açucareira do litoral, em meados do século 18 e apresenta, na mesma edificação, usos de residência e de trabalho, sendo inclusive tombada pelo Condephaat. A Engenho d’Água é considerada um marco histórico de Ilhabela e conta, além de mais de 43,5 mil m² de área, com uma casa sede, feita de alvenaria de pedra e cal e de pau-a-pique e a casa maior, que segue a tradição das ilhas atlânticas, em um sobrado avarandado. Hoje o lugar funciona como Parque Municipal Fazenda Engenho D’Água.

“Além das praias, nosso carro chefe como destino de sol e praia, temos inúmeras opções de cachoeiras, trilhas e passeios culturais, incluindo a Fazenda Engenho D´Água, aberta para visitação nesta quarta-feira (22). Pedimos que os turistas venham de forma responsável e consciente, tanto em relação aos protocolos contra a Covid-19, como em relação à preservação da natureza”, acrescenta Ricardo Cretella, presidente do COMTUR da cidade.

São Sebastião

Passeio de caiaque

O roteiro de caiaque pela Barra do Una é ideal para desbravar o ecoturismo de São Sebastião, com sua rica mata ciliar, seu curso sinuoso e sua característica água escura que tornam esta atividade inesquecível. O percurso passa pelos rios Una e Cubatão e conta com diversas praias de areia para paradas para banho, mergulhos, natação, descanso e contemplação da rica vegetação de Mata Atlântica.

Aula de surfe

Terra do tricampeão mundial de surfe, Gabriel Medina, São Sebastião é também o paraíso para os amantes do esporte e para quem deseja se iniciar nessa modalidade, mesmo que por hobby. Na Praia de Juquehy, por exemplo, há opção de aulas individuais com instrutores capacitados, treinados e coordenados por Liza Monteleone, vice-campeã de surfe feminino profissional de 1997, com Certificado Internacional de Instrutora de surfe.

Passeio de lancha

Os passeios de lancha oferecem a oportunidade de fazer roteiros por São Sebastião e alguns destinos nos arredores, incluindo As Ilhas, Ilha das Couves, Ilha dos Gatos e Montão de Trigo. Os percursos duram de duas a sete horas, dependendo de quantos pontos são inclusos, e contam com diversas paradas para mergulho de snorkelling.

Ubatuba

Conjunto Geográfico do Prumirim

Integrando praia e ilha de mesmo nome, assim como a cachoeira que fica na Rodovia Rio-Santos, a cerca de 18 quilômetros ao norte do centro de Ubatuba, o conjunto geográfico do Prumirim é considerado um dos cenários mais bonitos da cidade. Além disso, ali fica também a Aldeia Indígena Boa Vista, que conta com diversos atrativos de turismo de base comunitária, como sua cultura, artesanato e expressões artísticas musicais.

Trilha das 7 Praias

Na parte sul da cidade, a trilha das 7 praias é um dos roteiros mais procurados da cidade. Com 10 quilômetros de percurso, o passeio liga a Praia da Lagoinha até a da Fortaleza, passando pelas faixas de areia do Oeste, Peres, Bonete, Grande do Bonete, do Deserto e do Cedro do Sul.

Em seguida, com duração de cerca de 6 horas, a trilha tem nível de dificuldade médio e explora as típicas paisagens paradisíacas de Mata Atlântica dessa região.

Parque Estadual Ilha Anchieta

A princípio, considerada uma das principais atrações naturais da cidade, a Ilha Anchieta faz parte da área de proteção ambiental do Parque Estadual da Ilha Anchieta. Oferecendo grande oportunidade de integração à natureza, com rica fauna e flora e um mar transparente propício para mergulho, o local é ideal para um passeio de escuna ou lancha, ou um roteiro por trilhas com mirantes e vistas imperdíveis.

A ilha também abriga um complexo de ruínas tombadas pelo Condephaat, com mais de 2 mil m² de edificações conservadas, incluindo o Presídio, onde ocorreu uma das maiores rebeliões nos anos 1950.

Enfim, para descobrir essas e outras experiências no Litoral Norte de São Paulo, visite: https://circuitolitoralnorte.tur.br/experiencias

Além disso, para conhecer os principais fornecedores do Litoral Norte acesse: https://circuitolitoralnorte.tur.br/guiageral

Ademais, leia mais:

Afinal, confira Seu Sílvio e O Conto da Ilha Grande, em Angra dos Reis
Aliás, conheça quatro viagens para curtir natureza e exercício
Além disso, conheça o Trekking Terra dos Cânions

Escreve o que achou!