ReMastered Who Shot the Sheriff | O dia em que tentaram matar Bob Marley

ReMastered: Who Shot the Sheriff é um episódio de uma série documental da Netflix. A princípio, é sobre um xerife, um xerife da paz, Bob Marley, cuja arma era a música. Entretanto, não é mais uma biografia. Em verdade, foca na tentativa de assassinato que ele sofreu em sua terra natal, a Jamaica. A princípio, eu nem sabia que isso aconteceu. Com direção de Kief Davidson, o filme segue a fórmula tradicional de colher depoimentos diversos. Porém, é inegável a força da figura de Bob Marley, um símbolo para o mundo, um ídolo para muitos, o maior expoente da cultura rastafári.

Algumas imagens raras realmente impressionam, como quando Bob está fazendo um show muito importante e um raio brilha em um momento especial. Contudo, apesar de mostrar um pouco do início da vida artística de Marley (e do final), o filme foca mais na situação política jamaicana. Entre teorias do envolvimento da agência de inteligência estadunidense, a CIA, ou por gangues da própria Jamaica, o artista era uma força política pela paz. Uma frase dele chama muita atenção:

“Não defendemos o marxismo, nem o capitalismo, somos estritamente rasta!”

Algo que se destaca é a quantidade de problemas diversos na Jamaica daqueles tempos. Diane Jobson, advogada de Marley, sugere a influência da cultura faroeste e que aquela era a “versão jamaicana”. Políticos junto com gangues rivais em uma luta que parece eterna e, no meio disso, um sonhador, um artista, um pacifista, um rasta: Bob Marley. Ambos partidos políticos que disputavam na época cortejavam Bob em busca de seu apoio, mas ele continuava neutro.

É triste ver crianças com armas e, de alguma forma, conhecer mais sobre a cruel indústria armamentista, mas sem aprofundar. O filme busca não se comprometer, não assume lados, passa superficialmente. Simplesmente conta a história. Afinal, isso pode incomodar alguns que necessitam de um posicionamento, mas, acima de tudo, ReMastered: Who Shot the Sheriff é entretenimento. Um bom e rápido entretenimento que traz curiosidades de Bob Marley e desse entristecedor caso, porém, por fim, fortalece ainda mais a lenda desse ícone pacifista.

Em 11 de maio de 1981,  morre Bob Marley de câncer. A mensagem de paz e liberdade segue viva.

Enfim, veja o trailer (em inglês):

Ademais, veja mais:

Antônio e Comitiva caminhando com São Benedito pela música e a fé

Carolina | Documentário mergulha na vida da escritora

Além do som | Novo reality show inovador da Netflix foca em universidade para pessoas surdas

Escreve o que achou!