Tântrica Santina | Espetáculo ganha versões em audiovisual

Depois de temporadas em São Paulo, Rio de Janeiro e Salvador, solo de Rita Rocha com texto e encenação de Thor Vaz é lançado no espaço virtual. Projeto inclui lives, bate-papos e lançamento de filme inédito. Após transitar por diferentes palcos do país, a peça “Tântrica Santina forjada em sangue a sorte imaculada e um homem morto” chega ao espaço virtual em formatos diversos que exploram o diálogo entre o teatro e o audiovisual.

Com texto e direção de Thor Vaz, o solo conta com a atriz Rita Rocha em uma realização da Cia Oceano de Artes Integradas. A saber, o projeto tem início nos dias 26, 27 e 28 de fevereiro, às 18h, quando serão lançados os três atos da peça, em uma versão intitulada “livre espetáculo live”, seguida de bate-papo com os artistas envolvidos. Posteriormente, em 27 de março, 18h, acontece o lançamento do filme inédito, versão da obra concebida e realizada especialmente para o formato audiovisual.

Aqui no Vivente Andante tivemos a oportunidade de entrevistar Rita Rocha, confira:

A princípio, em cena, a atriz Rita Rocha vive uma mulher em estado de delírio, atormentada por lembranças que por vezes parecem alucinações. A personagem compartilha as dores e decepções causadas por amantes cruéis e tenta se livrar da culpa pela morte do seu marido. Embora a obra não deixe clara uma definição de tempo e espaço, a personagem revela forte ligação com a igreja católica, uma relação de temor e adoração, mas não esconde sua postura insurgente contra costumes e tradições.

Aliás, ao longo do processo de criação, atriz e diretor levantaram como referências diversas personagens femininas consideradas loucas pela sociedade, recorrentes na literatura e no cinema. “Pra mim essa é a história de uma mulher que tem a alma tântrica e o corpo santino, e esses lados fazem as pazes. A alma e o corpo fazem as pazes e ela se reencontra consigo mesma”, comenta Rita Rocha.

Enfim, nos dias 26, 27 e 28 de fevereiro, 18h, além de assistir aos três atos da peça na versão “livre espetáculo live”, o público poderá interagir com a equipe criativa do espetáculo em três bate-papos com a atriz Rita Rocha acompanhada de Alhandra dos Santos (26), Ilona Wirth (27) e Thor Vaz (28). Um mês depois, em 27 de março, também às 18h, acontece o lançamento do filme, uma versão inédita e especialmente adaptada para o formato audiovisual.

O projeto tem apoio financeiro do Estado da Bahia através da Secretaria de Cultura e da Fundação Cultural do Estado da Bahia (Programa Aldir Blanc Bahia) via Lei Aldir Blanc, direcionada pela Secretaria Especial da Cultura do Ministério do Turismo, Governo Federal.

SERVIÇO:

TÂNTRICA SANTINA FORJADA EM SANGUE A SORTE IMACULADA E UM HOMEM MORTO
Toda a programação é gratuita e transmitida pelo Youtube: bit.ly/ritarocha

26 de fevereiro, sexta, 18h
Livre espetáculo live; Ato I
Bate-papo com Rita Rocha e Alhandra dos Santos

27 de fevereiro, sábado, 18h
Livre espetáculo live; Ato 2
Bate-papo com Rita Rocha e Ilona Wirth

28 de fevereiro, domingo, 18h
Livre espetáculo live; Ato 3
Bate-papo com Rita Rocha e Thor Vaz

27 de março, sábado, 18h
Lançamento do filme

Todavia, leia mais:

Isto é um Negro | CRÍTICA
Tântrica Santina – Rita Rocha e Alhandra A falam sobre teatro, política e resistência
Marcélli Oliveira usa o teatro para falar sobre suicídio | “A arte é tão essencial como a educação”

Escreve o que achou!