Monday, September 21, 2020

Fantasporto 2020 | A Night Of Horror: Nightmare Radio | CRÍTICA

Na sessão Fright Nights do Festival Internacional de Cinema do Porto – Fantasporto de sexta-feira, 28 de fevereiro de 2020, pudemos ver a nova empreitada da dupla argentina Nicolas e Luciano Onetti, conhecida pelo longa-metragem, ‘Abrakadabra’. Um exercício de horror mundial e diverso chamado A Night Of Horror: Nightmare Radio. O filme é uma antologia de terror com curadoria dos irmãos, os quais selecionaram uma série de excelentes curtas-metragens, enquanto dirigiram uma outra sequência como um fio condutor para eles. A boa compilação foi apresentada na sessão no Grande Auditório do Teatro Municipal do Porto – Rivoli.

O programa de rádio de Rod Wilson conta estórias de terror e recebe ligações dos ouvintes, que comentam e conversam com o apresentador. No total, são 8 curtas de todo o mundo, feitos na última década. Temos os diretores Jason Bognacki, Joshua Long, Adam O’Brien, Matthew Richards, Sergio Morcillo, Pablo S. Pastor, Oliver Park e A.J Briones. Bem como o tal fio condutor dos irmãos Onetti. Embora cada capítulo apresente algo completamente diferente um do outro, e, muitas vezes, esse tipo de antologia costume apresentar muita irregularidade (com curtas muito bons e outros muito ruins), aqui todos prezam por ter qualidade. E até, de certa forma, parece que foram dirigidos por uma só pessoa.

Fantasporto 2020. Leia a crítica de A Night Of Horror Nightmare Radio no Vivente Andante.
Poster mostra a ‘cara’ das estórias (divulgação: Fantasporto 2020)

Nenhum é ruim

São todos extremamente bem-feitos e bem dirigidos. Muitos com finais surpreendentes e algumas cenas realmente assustadoras. Claro, há destaques. O POST MORTEM MARY de Joshua Long é um lembrete assustador de que as pessoas na era vitoriana costumavam vestir seus entes queridos mortos e tirar fotos deles. O DROPS de Sergio Morcillo é um olhar arrepiante sobre como o trauma pode ser um verdadeiro monstro. O DESAPARECIMENTO DE WILLIE BINGHAM, de Matthew Richards, é um horror corporal médico medonho e perturbador.

Além disso, impossível não elogiar o ator aborígene Gregory J. Fryer, o qual nos dá uma excelente atuação, tornando este curta australiano comovente e visceral. A Night Of Horror: Nightmare Radio também apresenta vingança feminina, ligando com um ser mitológico clássico; a assustadora invasão de um lar, que conta com uma sequência em câmera subjetiva que nos coloca dentro da ação; um conto de fadas de horror; uma viagem a um cabeleireiro muito caprichoso; e uma boa razão para não seguir uma trilha de balões coloridos.

Certamente, não há como deixar de recordar os Contos da Cripta (Tales from the Crypt) que seguia a mesma linha de um personagem apresentando os contos de terror. Em suma, os irmãos Nicolas e Luciano Onetti estão de parabéns pal curadoria e o capricho em costurar essa antologia mundial.

Afinal, veja o trailer de A Night Of Horror: Nightmare Radio:

Ademais, leia mais:

Fantasporto 2020 | “Nunca foi um festival só de cinema, mas de cultura”
Veja a programação do Fantasporto 2020
Direção de Fotografia no cinema, o que é? Flávio Ferreira explica nesse podcast!

Escreve o que achou!