O Dia do Trabalho e a importância de valorizar quem faz acontecer

Dia 1 de maio é considerado o dia do trabalho e, embora um pouco atrasada, não poderia deixar de falar sobre essa data. Sabemos que o cenário atual antecipou mudanças que estavam já se desenhando e apresentando impactos intensos em nossas vidas. A reflexão sobre trabalho versus emprego é algo que hoje não podemos fugir, a análise profunda das suas habilidades, potencialidades e da sua capacidade de se reinventar deixou de ser apenas algo importante e passou a ser urgente para sua sobrevivência.

O empreendedorismo hoje não é somente uma forma de geração de renda, mas um meio que muitas pessoas encontram para se sentirem realizados profissionalmente e exercerem seus verdadeiros talentos e desejos. Sabemos que ainda existe uma grande parcela da sociedade que empreende por necessidade e que literalmente mata um leão por dia para manter seu negócio; não existe glamour aqui. Porém, gostaria de frisar e destacar aqui a grande capacidade e potencialidade desses empreendedores em transformar limões em uma boa limonada ou até mesmo em uma caipirinha. E, em muitos casos, essa limonada é feita com produtos que não foram doados ou patrocinados por nenhuma empresa, por nenhuma vakinha online ou alguma parceria
estratégica, saiu do próprio bolso mesmo e dos “corres da vida”.

Dia do Trabalho para pequenos empreendedores

O que eu quero dizer aqui, é tem gente fazendo e fazendo muito, essa história de que a vida parou é para quem tem tempo
de parar, tem o privilégio de poder tirar um período sabático para pensar na vida. Que maravilha para a nossa criatividade e intelecto se todos nós pudéssemos viver isso não? Mas não é assim que funciona. Toda crise pesa no bolso, pesa na vida, na família e nos sonhos, mas em nenhum momento paramos, pelo contrário, vejo empreendedores pensando dia e
noite em mil possibilidades e novas alternativas para retomarem seus negócios, para se manterem de pé.

Quando decidi doar meu tempo para ajudar pequenos empreendedores a modelarem seus negócios e projetos, foi exatamente por saber o quanto de potência existe nesse mercado, o quanto existem pessoas inteligentes, dedicadas e com poder de transformação e ação capazes de movimentar uma economia e impactar vidas. Não mostrem apenas um lado da história, com mil dicas e informações de como sobreviver em meio a crises, tem muita gente que pode dar aula de sobrevivência e de superação e que tem gabarito para falar sobre, pois vive isso na pele, diariamente, mostre como essas pessoas estão produzindo, como estão se reinventando e como estão fazendo acontecer.

Mentoria

Nas minhas mentorias de negócio e projetos, busco não apenas lotar aquele empreendedor com informações técnicas ou decisões estratégicas, procuro ouvi-lo. Ele tem história, tem uma jornada e o que mais precisa é de alguém que valorize isso e ajude a potencializar o que já existe. Precisamos aprender a enxergar o outro com o seu devido valor. Ele chegou até ali e quer ir além. O que nós como mentores fazemos é tornar esse caminho mais claro, mais visível. Contudo, sem ignorar a essência do seu negócio e principalmente valorizando o seu sonho. Sempre gosto de frisar que decidi atuar com mentora de negócios e projetos que foram criados por proposito, pois acredito que quando algo vem de dentro, tem verdade, ele tem tudo para acontecer, mesmo com todas as dificuldades e desafios, sigo sendo uma eterna incentivadora de sonhos.

Ademais, leia mais:

Maratona online | Respirar e pausar é necessário, leia!
O desafio de manter o propósito diante do cenário de pandemia
Pretas Ruas busca oportunidades para mulheres negras | Podcast com Pamella Lessa

Escreve o que achou!